E-mail de contato

contato@sagapolicial.com

Redes sociais

Nova carreira única na PF em 2018

Policiais federais podem integrar carreira única na PF – O concurso público da Polícia Federal aguardado para 2018 (Concurso PF 2018) poderá ser o último antes da reformulação proposta.

02/01/2018

Agentes, peritos, escrivãos, papiloscopistas e delegados podem integrar em breve uma mesma carreira da Polícia Federal. Está na pauta de votação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 73/2013, que prevê a união das atividades no cargo de servidores policiais federais. O texto estabelece que servidores prestarão concurso público unificado e seriam lotados nas unidades da PF de acordo com suas habilidades e áreas de formação.

O texto prevê também a possibilidade de crescimento dentro da carreira única, por meio de promoção e progressão funcional a serem estabelecidas em lei. A medida passaria a valer imediatamente à publicação da lei, atingindo inclusive os concursos públicos cujos editais forem publicados a partir da sua entrada em vigor, mas preservando os atuais servidores policiais federais que não optarem pelo reenquadramento na nova carreira única.

A proposta tramita em conjunto com as PEC 102/2011, PEC 40/2012, PEC 19/2013 e PEC 51/2013. O relator da matéria, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), observou que, apesar de tratarem de temas conexos, os objetos não são idênticos: vão desde uma modificação completa do sistema de segurança pública até a reorganização administrativa da carreira da Polícia Federal.

Diante disso, o senador optou por apresentar seu parecer apenas sobre o aspecto da unificação da carreira da Polícia Federal e apresentar requerimento para desapensamento da PEC 73/2013 das demais propostas, que seguem tramitando na Casa.

Randolfe acrescenta que a carreira única é a forma em que estão estruturadas as instituições policiais de referência no mundo, como o FBI (Federal Bureau of Investigation) norte-americano e a própria Polícia Rodoviária Federal brasileira.

O relator destaca ainda que, se unificada a carreira, o exercício dos cargos de direção, hoje praticamente restritos à carreira dos delegados, passará a ser provido por meio de funções comissionadas ou de processos seletivos internos.

Randolfe informa que ainda será preciso regulamentar a situação dos atuais ocupantes dos cargos policiais federais, por meio de tabelas de reenquadramento, decisão que caberá privativamente ao Poder Executivo.

Se aprovada na CCJ, a matéria segue para votação em dois turnos em Plenário.

Em contato com o site Saga Policial, foi confirmado a tentativa de aprovação total do projeto no ano de 2018.

Proposições legislativas

Fonte: Agência Senado, por Saga Policial.

 

Compartilhar nas Redes

16 respostas para “Nova carreira única na PF em 2018”

  1. Júlia disse:

    Isso significa que terá um único concurso abrangendo todos os cargos e os aprovados seriam lotados de acordo com sua escolaridade, por exemplo quem for bacharel em direito seria lotado como delegado (a)?

    • Saga Policial disse:

      Não. O cargo de Delegado seria atingido pela progressão na carreira. Para se tornar Delegado e comandar investigações teria que atingir determinado grau de experiência e capacidade profissional, não teria mais como você cair direto neste cargo sem a devida experiência policial, como é hoje.

  2. Leidiane correia dos reis disse:

    NÃO TERÁ NENHUM CARGO DESTINADO PARA ESCOLARIDADE DO ENSINO MÉDIO?

  3. vanessa disse:

    E os salários como ficam? Tendo em vista que perito e agentes tem salários diferenciado.

  4. Danilo disse:

    Qual é a idade…pra fazer o curso
    Boa noite

  5. Pablo Ferreira disse:

    Quero ser um Agente de Polícia, com isso o Curso Superior Tecnólogo continua valendo? E o salário seria igual de um perito ou Delegado?

  6. Tiago Barbosa - SSA disse:

    Graças a Deus que não mudou nada no que diz respeito a graduação tecnológica. Sou tecnólogo em processos químicos e petroquímicos e vou ser APF, com FÉ em Deus!

  7. Alberto Cascais humor disse:

    Prego isso a mais de 40 anos, somente na Polícia Federal se entra num cargo no meio da carreira. Delegado não pode ser cargo. Tem que ser função, para a qual um policial possui delegação para exercer determinada atividade. Ex. Delegado da Receita, do MEC etc. Com o fim do vestusto e bolorento inquérito policial isso ficará mais fácil.

  8. away disse:

    Como diriz Collor:
    “Um sonho de uma noite de verão”

  9. Mulher na Polícia disse:

    Meu Gerente!

    Já tô na dica nº 2! Que foi, desistiu? kkk

    Hummm, deixei um recado noutro post e acho que vc não leu…

    muhernapolicia.blogspot.com

  10. MB disse:

    Estudar que é bom pra ser delegado, ninguém quer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

48
v4
69
CUPOM DESCONTO VÁLIDade_
70
300x250_estrategia
71
TURMA DE SIMULADOS
72
Curso Teoria PRF
317
prf-300x250 (1)
Gostaria de anunciar ou apoiar o site

Parceiros

Gostaria de anunciar no nosso site, fazer uma parceria ou apoio? Saiba mais informações entrando em contato conosco através dos nossos canais de comunicação.

Entre em contato

O Saga Policial

O Saga Policial nasceu em maio de 2008 e se orgulha de ajudar milhares de candidatos nos concursos públicos da área policial por todo o Brasil, além de contribuir na luta diária por uma segurança pública melhor para todos nós.